11maio
Cuidado com os tudólogos

Já abordamos neste Blog Arretado sobre como a velocidade das informações, e a efemeridade delas, permeiam o nosso cotidiano. Diariamente somos impactados por centenas e até milhares de dados que ocupam um precioso espaço em nossa memória. A depender do interesse em questão, alguns assuntos acabam chamando mais atenção do que outros. Fato normal.

Mas aí, existem àqueles perfis que são ávidos por informação. Tudo interessa, seja o que for. Estão sempre conectados e na busca pelo fato mais atualizado. Isso vai desde as operações nas bolsas de valores, passando pelas novas descobertas da medicina, assuntos jurídicos, automobilísticos, políticos e esportivos, além dos demais. Se tornam especialistas em tudo e estão sendo reconhecidos como os “tudólogos”.

Se você nunca ouviu esse termo, saiba que o “tudólogo” é uma expressão portuguesa que, segundo o Infopédia, refere-se de modo irônico àquela pessoa que opina sobre todo e qualquer assunto, assumindo-se sempre como pretenso especialista, independentemente da matéria em questão. É só jogar uma pauta na roda de conversa e pronto! Uma dissertação sobre o referido tema é elaborada em instantes.

Essas figuras, que estão por todas as partes – com certeza você se lembrou de alguém na família, no trabalho e entre os amigos com esse perfil – estão sempre influindo em algo que não dominam, mas acham que entendem. Às vezes esse tipo de comportamento tem impacto não tão satisfatório numa relação. Principalmente no âmbito profissional.

Trazendo para a nossa área de atuação, vez outra nos deparamos com situações impertinentes onde a nossa atividade é questionada sem qualquer tipo de conhecimento técnico e ou prévio. Apenas por entender ou “achar” que tal forma seria melhor de fazer em detrimento ao que está sendo feito.

A comunicação é um campo fértil de atuação dos tudólogos. Eles entendem de tudo! Da criação, concepção, redação, direção, editoração e todos os “ãos” possíveis. Por isso, cuidado com os tudólogos. Eles querem dominar o mundo. E terão conhecimento para isso.